O problema que nos cerca

O problema não é POLÍTICA, é a forma como falamos dela que interfere. É a falta de tolerância e a falta de empatia que interfere. É você querer que o outro aceite sua opinião e não aceitar a opinião do outro. É se colocar de um lado e dizer que jamais mudará de opinião.

O problema não é o MACHISMO/FEMINISMO, é a forma com a qual tratamos do assunto. É a falta de discernimento que muitas vezes acontece em uma discussão e que muitas vezes é confundida ou como ataque ou como defesa. É a falta de olhar clínico do tipo: “Será que ele disse o que eu ouvi” e ser capaz de perguntar sem ofensa, de AMBAS AS PARTES. 

O problema não é a SEXUALIDADE DE CADA UM, é a maneira como cada um enxerga seu mundo perfeito. A maneira como cada um acredita que o seu mundo deveria ser e que ninguém deveria ser “diferente” dele. É a falta de aceitação de que somos todos iguais.

O problema não é a causa, é o efeito. 

Precisamos ser capazes de dialogar com todos sem que precisemos nos ofender, sem que precisemos impor no próximo a nossa verdade. Aceitar que diversidade vai além de política, sexo, cor da pele… Aceitar que a vida só é vida bela se você compreender que não é melhor do que ninguém.

Essa música do Legião Urbana fala muito sobre isso:

Será

Tire suas mãos de mim
Eu não pertenço a você
Não é me dominando assim
Que você vai me entender
Eu posso estar sozinho
Mas eu sei muito bem aonde estou
Você pode até duvidar
Acho que isso não é amor

Será só imaginação?
Será que nada vai acontecer?
Será que é tudo isso em vão?
Será que vamos conseguir vencer?
Oh, oh, oh, oh, oh, oh

Nos perderemos entre monstros
Da nossa própria criação
Serão noites inteiras
Talvez por medo da escuridão
Ficaremos acordados
Imaginando alguma solução
Pra que esse nosso egoísmo
Não destrua o nosso coração

Será só imaginação?
Será que nada vai acontecer?
Será que é tudo isso em vão?
Será que vamos conseguir vencer?
Oh, oh, oh, oh, oh, oh

Brigar pra quê se é sem querer?
Quem é que vai nos proteger?
Será que vamos ter de responder
Pelos erros a mais, eu e você?

https://goo.gl/jLAeWA

Autor:

Professora de Inglês e blogger!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s